A formação da União Europeia


A União Europeia é o bloco econômico mais importante e bem sucedido do mundo. Começou com uma união comercial entre três países: Holanda, Luxemburgo e Bélgica, o BENELUX. Com o sucesso do mesmo, o bloco foi ganhando mais adeptos, transformando-se no que é hoje.

Além do BENELUX, que na verdade foi apenas uma espécie de "embrião" para a criação de uma maior interligação entre os países europeus, houve outra união pós-guerra que proporcionou a criação da UE. Era a CECA (Comunidade Europeia do Carvão e do Aço), criada em meados de 1950, que tinha por objetivo auxiliar o intercâmbio de matéria-prima para a indústria siderúrgica, era formado pela Alemanha, Bélgica, França, Itália, Luxemburgo e Holanda.

O início da concepção de bloco econômico se deu quando os países constituintes da CECA decidiram formar uma espécie de mercado comum, em 1957, a chamada Comunidade Econômica Européia (CEE), que tinha como objetivo mais amplo impedir a formação de mais guerras, que consequentemente deixariam o continente em "maus lençóis", como ocorreu com o Segunda Guerra e sanar os problemas causados pela mesma.

Com o tempo, além de Alemanha, Bélgica, França, Itália, Luxemburgo e Holanda, outros países aderiram ao bloco:

1973 - Dinamarca, Irlanda e Reino Unido;
1981 - Grécia;
1986 - Portugal e Espanha;
1995 - Áustria, Finlândia e Suécia;
2004 - Chipre, Eslovênia, Estônia, Eslováquia, Lituânia, Hungria, Letônia, Rep. Tcheca, Malta e Polônia;
2013 - Croácia.

Atualmente a UE tem sua própria moeda (Euro), criada em 2000, adotada pela maioria dos países membros e estuda-se também uma entrada de uma constituição única. Macedônia e Turquia ainda aguardam aprovação.
Fernando Soares
Fernando Soares

Próximo
« Prev Post
Anterior
Next Post »