Classificação climática global

Já publicamos aqui um artigo sobre a classificação climática brasileira, formulada pelo geofísico Arthur Strähler, que leva em conta, como princípio básico, a atuação das massas de ar.

Quando falamos em nível global, porém, outras características acabam tendo forte influência no clima. Uma das principais delas, senão a principal, é a posição da região em questão no globo e sua estreita relação com a inclinação dos raios solares. Em outras palavras, quanto maior a distância do Equador (maior latitude), mais frio o clima tende a ser. O inverso também é válido.

A partir desta definição, questões como o relevo ou a atuação das massas de ar e das correntes marítimas, passam a alterar e, de certa forma, peculiarizar o clima de uma região.
Classificar os climas mundiais é importante para entendê-los e, consequentemente, estudá-los de forma específica
Com o intuito de organizar estes variados padrões climáticos, foi criada uma classificação climática global, dividindo as particularidades de climas no planeta em seis tipos principais: tropical, temperado, polar, desértico, de montanha e de transição.

Clima tropical

Clima quente, com maior incidência nas regiões entre os trópicos de Capricórnio e de Câncer - daí o nome de região intertropical (entre trópicos). Nesta região os raios solares atingem a Terra com inclinação de 90º. Pode ser dividido em:

Tropical continental - Com grande ocorrência na América do Sul e na África, é um clima com estações bem definidas: inverso seco e verão chuvoso.

Equatorial - Muito chuvoso, este clima é encontrado na Amazônia, na região da floresta do Congo, na África, e no sudeste asiático. A amplitude térmica é pequena.

Tropical de altitude - Quando o fator altitude faz com que as temperaturas típicas do clima tropical sejam reduzidas, temos o clima tropical de altitude. No Brasil, ocorre na região sudeste.

Tropical de monções - Clima característico do subcontinente indiano. Além de preservar uma elevada temperatura, típico de regiões tropicais, este clima apresenta fortes chuvas entre os meses de junho e agosto.

Clima temperado

Clima com incidência nas regiões entre o Círculo Polar Antártico e o trópico de Capricórnio, e entre o Círculo Polar Ártico e o trópico de Câncer. Apresenta, de forma generalizada, verões amenos e invernos frios. Pode ser subdividido em:

Temperado continental - Ocorre nas regiões de clima temperado longe dos oceanos, como no interior da Europa e da Ásia. Apresentam grande variação térmica durante o ano.

Temperado oceânico - Ocorre nas regiões de clima temperado próxima dos oceanos, sofrendo forte influência da maritimidade. Apresenta invernos menos frios que no caso do clima temperado continental e, consequentemente, menor amplitude térmica.


Clima polar

É o clima dos polos, regiões com latitudes maiores que as dos círculos polares ártico e antártico. São regiões extremamente frias, com pouca incidência solar, pouca vegetação e acúmulo de uma camada de neve sobre o solo. As temperaturas atingem facilmente -30º no inverno. No verão, pode chegar a 10ºC.

Clima desértico

Este clima pode ocorrer tanto em regiões temperadas, quanto em regiões tropicais, bastando reunir as características de relevo e de atuação de massas necessárias para a formação de um deserto. Apresenta grande amplitude térmica e baixíssima umidade do ar. As chuvas são raras e podem ocorrer em intervalos de anos.

Clima de montanha

Este tipo de clima está intrínseco ao fator altitude, podendo ocorrer em qualquer região climática. É o clima característico das grandes cadeias montanhosas, como os Andes ou o Himalaia. Apresenta baixíssimas temperaturas e neves constantes.

Climas de transição

São climas que não se encaixam totalmente em nenhum outro tipo supracitado. Os dois mais importantes são o semiárido e o subtropical.

Clima semiárido - A principal característica deste clima é a sua baixa e irregular taxa de pluviosidade, podendo ter temperaturas elevadas ou não.

Clima subtropical - Apresenta estações bem definidas, com suas chuvas bem distribuídas durante o ano. É caracterizado por ser o clima de transição entre os climas tropical e temperado.



Fernando Soares
Fernando Soares

Próximo
« Prev Post
Anterior
Next Post »