Questão palestina (III) - Exercícios de vestibular

Acompanhe abaixo uma lista de exercícios sobre a questão palestina. Antes, recomendamos a leitura dos nossos dois artigos sobre o assunto:
1 - (UFES) Atenção: Analise as informações constantes no gráfico abaixo para responder a questão.

(Fonte: FOUCHER, M. Israel-Palestine: quelles frontières? In: Hérodote: Revue de géographie et de géopolitique. Paris, n. 29/30, p. 101, 1983. Adaptado.)

As nascentes do rio Jordão se localizam no encontro de fronteiras entre Israel, Síria e Líbano. O Jordão flui em direção ao sul, passando pelo lago Tiberíades e desaguando no Mar Morto. Em relação aos recursos hídricos dessa região, é INCORRETO afirmar que

A) o projeto hídrico de Israel e a oposição da Síria a esse projeto foi um dos motivos da Guerra dos Seis Dias.

B) as nascentes do Jordão situam-se nas Colinas de Golã, que foram ocupadas por Israel durante a Guerra dos Seis Dias, perdurando essa ocupação até hoje.

C) uma parcela maior dos recursos hídricos do rio Jordão era reivindicada pelo Estado Palestino e pela Jordânia.

D) o aqüífero pouco volumoso da planície costeira ocidental do território israelense contrasta com o volumoso lençol subterrâneo do platô central, situado no território da Cisjordânia.

E) as águas do rio Jordão, no trecho em que ele corta o norte da península do Sinai, foram objeto de disputa entre Israel e Egito, a qual teve fim com o acordo de Camp David.

2 - (FGV/SP - 2002) Considere o mapa apresentado abaixo:
Fonte: adaptado de http://www.monde-diplomatique.fr/cartes/cisjordaniedpl2000
A) a proposta de criação de um Estado palestino independente na Cisjordânia deverá implicar em uma redistribuição territorial entre o espaço ocupado pelas colônias israelenses e os campos de refugiados palestinos.

B) não se justifica a criação de um Estado palestino na Cisjordânia, pois a sua integridade territorial seria constantemente questionada em função da existência de colônias israelenses que gozam de autonomia política.

C) a permanência dos campos de refugiados palestinos na Cisjordânia é um reflexo da pouca solidariedade dos países vizinhos que, embora reconhecendo a soberania israelense sobre a região, não ofereceram abrigo aos palestinos.

D) é viável a criação de um Estado palestino independente, formado por vários núcleos representados pelos atuais campos de refugiados, com autonomia política e administrativa, sem interferir na existência das colônias israelenses.

E) a reivindicação palestina pelo reconhecimento da cidade de Jerusalém como capital de um Estado independente, englobando a Cisjordânia e a Faixa de Gaza, sustenta-se na tradição de autonomia política e territorial dessa cidade.

3 - (UnB) As discordâncias entre árabes e israelenses apresentam as seguintes características, EXCETO:

A) controle de rotas marítimas.

B) interesses industriais.

C) interesses raciais e religiosos.

D) interesses ideológicos.

E) N.D.A.

4 - (OSEC) As guerras entre árabes e judeus, que se verificam no Oriente Médio, tiveram como causa principal:

A) a guerra civil, no Líbano.

B) o problema de uma população sem território – os refugiados palestinos – que surgiu com a criação do Estado de Israel.

C) o fato de que maiores reservas mundiais de petróleo, se localizam nos países árabes.

D) um discurso do líder Yasser Arafat, na Assembleia na ONU.

E) o controle do canal de Suez, por parte do Egito.


5 - (Cesgranrio) Quanto aos conflitos entre árabes e israelenses, podemos dizer que:

I - se aceleram com a partilha da Palestina realizada pela ONU em 1947, que deu origem ao Estado de Israel e de que decorreu a guerra de 1948/49, que terminou com um acordo de cessar fogo em que ficava estabelecida a divisão de Jerusalém e a fixação das fronteiras entre Israel e os países árabes.

II - na década de 1960, os conflitos adquirem maior violência em função do aumento dos atos terroristas palestinos e da aliança militar e política entre Egito, Síria e Jordânia, o que leva ao bloqueio econômico de Israel e dá Início à Guerra dos Sete Dias.

III - na década de 1970, os conflitos determinam a explosão da Guerra do Yom Kippur, em 1973, de que resulta a fixação dos limites territoriais no Oriente Médio e o reconhecimento por parte de Israel, da OLP, comandada por Arafat, como representante legítima dos interesses palestinos.

Assinale a opção que contém a(s) afirmativa(s) correta(s):

A) Apenas I

B) Apenas I e II

C) Apenas II

D) Apenas II e III

E) Apenas III

6 - (PUC-RIO)
As afirmativas abaixo referem-se aos conflitos entre árabes e israelenses, após a Segunda Guerra Mundial:

I - Após a guerra, a partir de uma resolução da ONU, o mapa político da Palestina foi refeito dando origem a dois Estados, um árabe e outro judeu. Essa resolução não foi suficiente para os interesses israelenses que, apoiados pelo governo norte-americano, declararam guerra, unilateralmente, à Liga Árabe.

II - A criação do Estado de Israel levou à evacuação da população árabe nas áreas pertencentes agora ao novo país. As vitórias nas guerras contra os países árabes e a consequente ampliação do território de Israel agravou o problema dos refugiados e deu origem à chamada Questão Palestina.

III - A ação contínua dos guerrilheiros palestinos, nas últimas décadas, dividiu a sociedade israelense em dois grupos: o dos que defendiam a criação de um Estado palestino multiétnico, englobando árabes e israelenses; e o dos que recusavam a existência de um Estado palestino na região, defendendo, por extensão, uma guerra para o extermínio da população árabe.

IV - Na década de 1950, entre os refugiados palestinos, começaram a surgir os primeiros grupos de guerrilheiros que tinham como proposta a fundação de um Estado palestino e a devolução por Israel de todos os territórios ocupados.

Assinale a alternativa:

A) se somente as afirmativas I e II estiverem corretas.

B) se somente as afirmativas I e III estiverem corretas.

C) se somente as afirmativas I, II e IV estiverem corretas.

D) se somente as afirmativas II e III estiverem corretas.

E) se somente as afirmativas II e IV estiverem corretas.

7 -  (UEL)
Um dos grandes conflitos do Oriente Médio tem sido o confronto árabe-israelense, cujas origens remontam ao período que segue à

A) Segunda Guerra Mundial, quando os países vencedores apoiaram a Liga Árabe a invadir o território de Gaza.

B) Primeira Guerra Mundial, quando a Liga das Nações, pressionada pelos Estados Unidos, dividiu o território Palestino para criar o Estado de Israel.

C) Segunda Guerra Mundial, quando a ONU, através das forças de paz, obrigaram Israel a abandonar o Sinai, garantindo o controle do Canal de Suez ao Egito.

D) Primeira Guerra Mundial, quando a Liga das Nações aprovou a Declaração Balfour, colocando a Palestina sob o governo da Inglaterra.

E) Segunda Guerra Mundial, quando a ONU, retirando suas tropas da região, permitiu a ocupação da colina de Golan e dos territórios da Cisjordânia.

8 - (UNIFESP - 2007) Leia as frases seguintes, sobre as dificuldades para a paz entre Israel e a Palestina.

I. Destino de 3 milhões de refugiados palestinos dispersos pelos países vizinhos.
II. Controle do Rio Jordão a partir das colinas de Golã, que estão sob domínio da Síria.
III. Fim da Intifada, movimento de judeus pela aceitação do acordo de Oslo.
IV. Definição da situação de Jerusalém, apontada como capital por judeus e considerada sagrada pelos palestinos.
V. Presença de colônias judaicas em áreas destinadas ao estado Palestino. Está correto o que se afirma em:

A) I, II e IV, apenas.

B) I, III e V, apenas.

C) I, IV e V, apenas.

D) II, III e IV, apenas.

E) II, III e V, apenas.

9 - (ENEM/MEC - 2007)

Em 1947, a Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou um plano de partilha da Palestina que previa a criação de dois Estados: um judeu e outro palestino. A recusa árabe em aceitar a decisão conduziu ao primeiro conflito entre Israel e países árabes. A segunda guerra (Suez, 1956) decorreu da decisão egípcia de nacionalizar o canal, ato que atingia interesses anglo-franceses e israelenses. Vitorioso, Israel passou a controlar a Península do Sinai. O terceiro conflito árabe-israelense (1967) ficou conhecido como Guerra dos Seis Dias, tal a rapidez da vitória de Israel. Em 6 de outubro de 1973, quando os judeus comemoravam o Yom Kippur (Dia do Perdão), forças egípcias e sírias atacaram de surpresa Israel, que revidou de forma arrasadora. A intervenção americano-soviética impôs o cessar-fogo, concluído em 22 de outubro.

A partir do texto acima, assinale a opção correta.

A) A primeira guerra árabe-israelense foi determinada pela ação bélica de tradicionais potências europeias no Oriente Médio.

B) Na segunda metade dos anos 1960, quando explodiu a terceira guerra árabe-israelense, Israel obteve rápida vitória.

C) A guerra do Yom Kippur ocorreu no momento em que, a partir de decisão da ONU, foi oficialmente instalado o Estado de Israel.

D) A ação dos governos de Washington e de Moscou foi decisiva para o cessar-fogo que pôs fim ao primeiro conflito árabe-israelense.

E) Apesar das sucessivas vitórias militares, Israel mantém suas dimensões territoriais tal como estabelecido pela resolução de 1947 aprovada pela ONU.

10 - (UFRGS)
A ocupação e colonização da Faixa de Gaza, Cisjordânia e das Colinas de Golan por Israel sobre seus vizinhos árabes, foi iniciada a partir da

A) Guerra dos Seis Dias (1967).

B) Guerra do Yom Kippur (1973).

C) Revolução Islâmica (1979).

D) Intifada (1987).

E) Guerra do Golfo (1991).

GABARITO:

1 - E
2 - A
3 - B
4 - B
5 - A
6 - E
7 - D
8 - C
9 - B
10 - A




Fernando Soares
Fernando Soares

Próximo
« Prev Post
Anterior
Next Post »