Ucrânia: Características gerais, relevo, clima e hidrografia

Características Gerais

Bandeira da Ucrânia
Bandeira da Ucrânia

Capital: Kiev;
Área: 603,6 mil km²;
Moeda: Grívnia;
População: 42 milhões de habitantes (2019);
Densidade Demográfica: 76 hab./km²;
PIB: 175 bilhões (nominal);
Idioma: Ucraniano.

Relevo

Se partirmos em uma viagem pela Ucrânia entrando no país através de seus vizinhos de oeste, como Polônia e Eslováquia, encontraremos logo após a fronteira os pontos mais altos do país.

Estendendo-se através de 240 km, as montanhas da região dos Cárpatos Ucranianos alcançam entre 600 e 2.000 metros, chegando a 2.060 metros no Monte Hoverla, ponto mais alto do país.

Relevo ucraniano
Relevo ucraniano. Wikipedia Commons,

Continuando o caminho ao leste e atravessando o Rio Pivdennyi Buh (Rio Bug Meridional), encontramos um planalto de terras pouco elevadas. É o Planalto de Dnieper, dissecado por rios, vales e gargantas que atingem até 300 metros de profundidade.

Se aproximando do Rio Dnieper, os índices altimétricos reduzem e chegamos à planície de Dnieper, importante feição altimétrica que corta a Ucrânia de norte a sul.

Ao sul, entre o Mar Negro e o Mar de Azov, se estende outra planície, ligada a anterior pelo trajeto do Rio Dnieper. É a Planície do Mar Negro.

Por fim, no extremo leste do país, próximo a fronteira com a Rússia, novamente se eleva um planalto de baixa altitude, alcançando em média 300 metros.

Clima

Conforme classificação climática de Koppen, os climas ucranianos se encaixam no grupo D, isto é, Continental e Subártico.

As regiões mais próximas ao Mar Negro são de clima Dfa, clima úmido de verão quente.

Já o centro e o norte do país apresentam clima Dfb, úmido de verão fresco.

Tipos climáticos da Ucrânia conforme classificação de Koppen
Tipos climáticos da Ucrânia conforme classificação de Koppen. Ali Zifan.

A Ucrânia tem um clima influenciado pelas correntes quentes e úmidas do Oceano Atlântico, que faz com que as temperaturas não sejam tão baixas quanto esperado pela localização geográfica. A média anual de temperatura no centro e no norte do país é de 5,5 a 7°C, enquanto no sul é de 11 a 13°C.

Ainda, existe uma variação de temperatura longitudinal. Invernos no oeste são em geral mais leves que o oeste. Já os verões são mais quentes no leste que no oeste.

Variação média mensal da temperatura em Donetsky. Google.
Variação média mensal da temperatura em Donetsk, sudeste do país. Google.
Variação média mensal da temperatura em Lviv. Google.
Variação média mensal da temperatura em Lviv, noroeste do país. Google.

Já as precipitações são concentradas nos meses mais quentes e bastante desiguais geograficamente. As regiões dos Cárpatos (oeste) são as que mais recebem precipitação (1.200 mm anuais), enquanto as planícies do Mar Negro (sul) são as menos chuvosas (400 mm).

Hidrografia

Os rios ucranianos, em geral, nascem nas regiões norte e noroeste do país (Cárpatos) e desembocam no Mar Negro ou no Mar de Azov.

O principal e maior rio do país é o Dnieper, que nasce na Rússia e atravessa o território da Bielorússia antes de cortar a Ucrânia, até ter sua foz no Mar Negro. É muito utilizado para produção de energia elétrica, contando com muitas hidrelétricas e barragens.

Bacia Hidrográfica do Rio Dnipro. Francis McLloyd.
Bacia Hidrográfica do Rio Dnieper. Francis McLloyd.

Tem 2.200 km de extensão, onde quase 1.000 estão na Ucrânia, e recebe as águas de mais de 50% do território nacional.

Já o Rio Bug Meridional nasce nos Cárpatos Ucranianos e corre diagonalmente até desembocar no Mar Negro. É o segundo mais longo do país e o maior totalmente ucraniano.

Rio Bug.
Rio Bug. Naudotojas.

O Rio Dniester nasce também nos Cárpatos Ucranianos, adentrando o território da Moldária e voltando para a Ucrânia para desembocar no Mar Negro. Tem uma extensão de aproximadamente 1.300 km.

No leste do país, destaque para o rio Donets, afluente do Rio Don, que desagua no Mar de Azov.

Um dos rios mais longos da Europa, o rio Danúbio, também tem sua foz na Ucrânia.

Fernando Soares de Jesus

Meu nome é Fernando Soares de Jesus, natural de Imbituba/SC, estudante do curso de graduação em Geografia na UFSC e futuro geógrafo e professor. Criei este blog ainda no Ensino Médio, em meados de 2013, com o objetivo de compartilhar e democratizar o conhecimento geográfico, desde o campo físico até o campo humano, permitindo seu acesso de maneira clara e descomplicada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *