O aquífero Guarani

Aquífero Guarani é o nome dado a um gigantesco reservatório de água que abrange parte do território do Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, somando ao todo 1,2 milhões de quilômetros quadrados.

Em território brasileiro, o reservatório está presente no subsolo dos estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Sua profundidade ultrapassa os 1200 metros.

A camada de arenito, rocha muito permeável, no subsolo é a grande responsável pela fácil absorção de água ao aquífero, que encontram a metros de profundidade rochas firmes que impedem a passagem de água. Estima-se que este bem precioso tenha armazenado 40 trilhões de metros cúbicos de água, sendo assim o maior aquífero do país.


Com o desenvolvimento de atividades relacionadas a agricultura, pecuária e extrativismo, o solo sob o aquífero tem ganhado muitas cargas de contaminação, principalmente por agrotóxicos, que acaba prejudicando a qualidade da água. Porém, iniciativas em conjunto com os outros países que dispõem do aquífero tem ajudado a barrar seu mau uso e contaminação.

Muitas cidades brasileiras hoje são abastecidas pela água do aquífero, principalmente no Estado do São Paulo. O excesso de sal, por exemplo, impede seu uso nos estados da região sul, principalmente Santa Catarina e Parará.





Fernando Soares
Fernando Soares

Próximo
« Prev Post
Anterior
Next Post »