Estudo dos rios: Foz em estuário e foz em delta

Conforme o deslocamento seu deslocamento, resultados de sedimentação e situações de relevo, os rios, ao encontrarem-se com o mar, tendem a ter características diferentes.

A foz (o lugar onde o rio desemboca no mar) pode adquirir características e estuário ou delta.

Estuário

Foz em Estuário. (Em azul o rio e em verde a terra firme)

Quando a foz do rio é em estuário, quer dizer que ela desemboca no mar em forma de um único canal, sem qualquer tipo de formação adicional. Simplesmente há uma ligação direta entre rio e mar.

Delta

Foz em Delta

Já na foz em delta, o que ocorre é uma ligação cheia de “veias” com o mar, onde ocorre inclusive e criação de ilhas entre as ligações.

Foz Mista

Foz do Rio Amazonas. Imagem: Wikimedia

Também há um caso exclusivo do Rio Amazonas, em que a foz do rio é ao mesmo tempo estuário e delta. O grande volume do rio cria uma “braço” que circunda parte da Ilha do Marajó, ao mesmo tempo que o delta segue a oeste da mesma, pois o rio localiza-se em uma planície (geralmente os rios em planícies tem foz em delta).

Share

Meu nome é Fernando Soares de Jesus, natural de Imbituba/SC, estudante do curso de graduação em Geografia na UFSC e futuro geógrafo e professor. Criei este blog ainda no Ensino Médio, em meados de 2013, com o objetivo de compartilhar e democratizar o conhecimento geográfico, desde o campo físico até o campo humano, permitindo seu acesso de maneira clara e descomplicada.

One Ping

  1. Pingback: Bacias hidrográficas brasileiras: Bacia Amazônica - Geografia Opinativa

5 Comments

  1. Rita Condé Reply

    Muito obrigada pela explicação. Precisei de consultar a diferença entre estuário e delta quando estava lendo o artigo Damming the rivers of the Amazon Basin, que inclusive recomendo a leitura.

Deixe uma resposta para williammoka Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *